30 junho 2014

Tinha tanta coisa para desabafar...

Mas não sei se irá servir de alguma coisa vir para aqui (tentar) meter os meus sentimentos em palavras, tendo em conta a tristeza dos factos.

13 abril 2014

Vamos ter hóspedes


O meu irmão, cunhada e sobrinho vêm também para França. E, inicialmente (até começarem a trabalhar e orientarem as coisas), vão ficar aqui a viver connosco porque temos um quarto a mais.
Neste momento eles estão a fazer as malas... e de cada vez que lhes ligamos a dizer para trazerem mais isto ou aquilo, é estranho.
Terça-feira já cá estarão e eu acho que só vou cair em mim quando os vir ali instalados no quarto ao lado.
Afinal de contas, perdi 3 razões para querer ir de férias a Portugal todos os anos!

11 abril 2014

Hoje, a minha amiga foi mãe!

Hoje a minha companheira de borgas de há anos, trouxe ao mundo uma menina. E eu ao ver as fotos da miúda, ainda toda inchada (que feiinha, coitada, há-de ficar melhor) só conseguia ver nela a cara da minha amiga Filipa, a mãe.
E isto causou-me uns arrepios na espinha. Como é que há tão pouco tempo andávamos nas borgas todos os fins de semana e todas as noites que pudéssemos e que nos apetecesse sair e, agora, ela já é mãe?! Como é que isto aconteceu? Como é que o tempo passou tão depressa? O que é que aconteceu?
Fui jantar a pensar nisto e voltei a rever pela décima vez as fotos da miúda enquanto jantava. E não sei se foi da lasanha ou da salada ou do Cabernet d'Anjou ou de ver as fotos da miúda ou de pensar que a minha amiga já é mãe, mas estou tão enjoada e mal disposta que estou a escrever isto e a beber água com gás para ver se isto passa.
Mas acho que isto deve mesmo ter sido um baque no coração... Por ver que a minha amiga já é mãe e que já não poderemos voltar a ser aquelas adolescentes que adoravam sair à noite, percorrer os bares todos, dançar que nem loucas, fumar/beber que nem umas perdidas e fazer figuras tristes ainda antes da uma da manhã (vá lá, não me critiquem).
Chego à conclusão que já nem aguento beber 2 copos de vinho sem começar a ver tudo à roda. E depois, a minha amiga foi mãe. E eu já vi mais conhecidas da minha idade serem mães, uma já tem um miúdo com 4 anos. Mas ver a minha amiga Filipa ser mãe, é bastante diferente. Porque ela nem sequer tinha o sonho de constituir família, nem tinha namorados... Portanto acho que ela cresceu. E estamos a ficar velhas.

22 março 2014

Ainda estou viva, mas...

com todas as coisas que me começaram a atormentar a cabeça nos últimos tempos, a paciência para vir aqui tem sido muito reduzida. E acho que estas preocupações todas justificam o repentino aparecimento de cabelos brancos, juro que às vezes quase que os vejo a saltar para se mostrarem mais do que os outros fios de cabelo castanhos. Socorro, ainda sou tão nova para ter (tantos) cabelos brancos!
A juntar a isso tenho a incessante queda de cabelo e cada vez os fios de cabelo são mais finos. Para terminar, é a raíz oleosa e o resto do cabelo muito seco. Já experimentei 3501 champôs e não fiquei satisfeita com nenhum.


Noutro dia fui cortar o cabelo e a cabeleireira disse-me que devia fazer um tratamento anti-queda durante 3 meses, com ampolas. E que devia começar a usar champô profissional anti-queda e mais um para controlar a gordura da raiz a utilizar uma ou duas vezes por semana. Estive quase a cair na conversa, mas depois comecei a pensar nos 90€ que me iam sair da carteira e deixei-me estar quietinha... Afinal a minha mãe já chegou a fazer tratamentos desses e não viu resultados e acho que cada um tenta mas é vender o seu peixe e pronto.
Fui ao supermercado e comprei um champô de gama profissional, infelizmente não me dou bem com o champô para fortalecer os cabelos desde a raíz, lavo num dia à noite e no dia seguinte já tenho a raiz oleosa. Mas olhando para o champô para controlo da gordura da raíz (da mesma gama e marca) tem dado resultados muito bons.
Parece-me (porque pode ser dos meus olhos que também já estão a precisar de um ajuste) que me tem caído menos cabelo após o corte e a mudança de gama de champô.
Vocês têm alguma sugestão de tratamento e/ou marca para cabelos finos e quebradiços (e com raiz oleosa)?

Ah, quanto aos dentes do siso... Bem, já não tenho dores mas ainda tenho alguns fios nas gengivas e agora sinto um vazio no sítio onde estavam os dentes. Parece que tenho ali uns buracos que servem apenas para fazer reservas de comida, o que é uma porcaria e chega mesmo a ser nojento só de imaginar. Se eu antes disto já lavava os dentes duas a três vezes por dia, agora é ver-me a lavar e bochechar a boca de cada vez que como. Irei ficar assim para o resto da vida?! (Só dilemas a minha vida)

27 fevereiro 2014

Dentes do juízo, eu bem sei que estavam aqui bem instalados, mas podiam ter sido mais gentis...

Acordei esta madrugada com dores e com a cara quadrada ou cara de bolacha, como preferirem imaginar. Mas é uma bolacha disforme, porque tenho uma bochecha enorme do lado esquerdo e uma bochecha não tão inchada do lado direito.
Quando me diziam que isto corria tudo muito bem e que passava rápido, eu ria-me. Porque qual é a parte que as pessoas não compreendem que não temos organismos todos iguais?! Aliás, eu sou uma só pessoa e as minhas metades não são iguais... do lado direito correu tudo bem, não senti nada... já do lado esquerdo, a história não foi a mesma. E isso comprova-se com o inchaço disforme com que acordei hoje!
Continuo a fazer gelo para ver se ajuda a desaparecer o inchaço e porque me sabe bem quando faço o gelo, uma vez que sinto a cara a ferver. Tirando isso, ando só a comer líquidos (frios de preferência), e encharcada em comprimidos!
Ah, e tenho uns fios azuis na boca, que vão cá morar entre 3 a 4 semanas... bem bonito isto!

26 fevereiro 2014

Já foste!


E pronto, já arranquei os 4 dentes do juízo... Era para ter sido ontem, mas o cirurgião teve um problema e a intervenção foi adiada para hoje.
O efeito da anestesia já passou e estou com umas dores que não consigo explicar... parece que a minha cabeça pesa uma tonelada!
Do lado direito correu tudo bem, mas do lado esquerdo mesmo com a anestesia aumentada doeu-me um bocado.
Agora é comer coisas frias e moles. Já comi sopa de legumes triturada fria, acabada de tirar do frigorífico, e 1 iogurte.
Agora vou ali desfalecer um bocado e quando estiver melhor passo por aqui.
Beijinhos!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...